Preço do diesel fica 8,9% mais barato para as distribuidoras

Petrobras anuncia redução de 8,9% no preço do diesel para as distribuidoras

O preço do diesel vendido pela Petrobras às distribuidoras deve passar de R$ 4,50 para R$ 4,10 a partir desta quarta-feira (8). Segundo a estatal, o valor do litro do combustível fica em média 8,9% mais barato.

O anúncio foi feito um dia após consultorias avaliarem que o preço cobrado pela Petrobras pelo litro do diesel estaria R$ 0,76 acima das cotações internacionais.

A petroleira destacou, ainda, que “considerando a mistura obrigatória de 90% de diesel A e 10% de biodiesel para a composição do diesel comercializado nos postos, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor será, em média, R$ 3,69 a cada litro vendido na bomba”.

 

Nas bombas, o preço do diesel (litro) foi vendido, em média, a R$ 6,29 na semana passada, segundo dados divulgados na última sexta-feira (6) pela Agência Nacional do Petróleo (ANP). A redução dos preços cobrados pela Petrobras, no entanto, podem demorar a chegar ao consumidor final, já que os postos têm liberdade para fixar o valor cobrado.

 

preço do óleo diesel cai

Preço dos Combustíveis

Segundo dados da consultoria StoneX, o litro do diesel vendido nas refinarias da Petrobras está R$ 0,76 acima das cotações internacionais, o que indica espaço para uma redução de 16,8% no preço da estatal brasileira.

No caso da gasolina, a StoneX também estima espaço para um corte. Segundo a consultoria, a gasolina vendida pela Petrobras está R$ 0,38 mais cara que a vendida no mercado internacional e, por isso, pode sofrer uma diminuição de 11,6%.

De acordo com a Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis (Abicom), o preço do diesel da Petrobras estava 18% acima da paridade, com necessidade de um corte de R$ 0,68 por litro, em média. Para a gasolina, a Abicom vê espaço para uma redução de 10% nas refinarias da Petrobras, o que equivale a um corte de R$ 0,29 por litro.

 

O Centro Brasileiro de Infraestrutura e Energia (CBIE) calcula que o diesel da Petrobras está 14,14% acima da paridade, enquanto a gasolina está sendo vendida no mercado interno com um prêmio de 8,86% em relação ao mercado internacional.


Preços na Petrobras são decididos pela diretoria

Os preços dos combustíveis vendidos pela Petrobras são decididos pelo presidente da companhia, junto com o diretor de comercialização e logística e o diretor financeiro e de relacionamento com investidores, além de passarem pela supervisão do conselho de administração.

O último reajuste de preços pela Petrobras entrou em vigor no dia 25 de janeiro, quando a companhia aplicou um aumento de R$ 0,23 no litro gasolina, que passou a ser vendida às distribuidoras em média por R$ 3,31. A alta na época foi de 7,46%.

 

O preço do diesel vendido nas refinarias da estatal está sem reajustes desde 7 de dezembro, quando o litro passou para R$ 4,49, depois de um corte de 8,91%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios