Energia do petróleo: o que é? Como ela é utilizada?

A energia do petróleo é fundamental para o desenvolvimento industrial e econômico da nossa sociedade

A energia do petróleo se dá por meio da queima de combustíveis, como o óleo combustível, o óleo diesel e o gás de refinaria. No Brasil e no mundo, o petróleo tem um papel fundamental tanto no setor de energia quanto para o desenvolvimento da indústria e da economia.

O petróleo é extraído dos poços produtores com água e gás. Após separar os fluidos, a matéria-prima é enviada para as refinarias e é de lá que saem os seus derivados. Então, os combustíveis são queimados em caldeiras, turbinas e motores de combustão interna, e assim a energia é gerada. 

A energia do petróleo não é um tipo de energia renovável, e é uma fonte poluente, já que passa por um processo de queima para produzir energia. Apesar dos fatores negativos, o  petróleo é uma fonte de energia essencial para a manutenção da sociedade, é utilizado também como matéria-prima, para a fabricação de plásticos, borrachas sintéticas, tintas, solventes, produtos cosméticos, entre outros.

A energia do petróleo e seus derivados

Fontes de Energia

As fontes de energia são recursos naturais ou artificiais utilizados pela sociedade para a produção de algum tipo de energia. Esta, por sua vez, é utilizada para propiciar o deslocamento de veículos, gerar calor ou produzir eletricidade para os mais diversos fins, como iluminação. As fontes de energia também estão relacionadas a questões ambientais, já que, dependendo das formas de utilização dos recursos energéticos, podem gerar graves impactos sobre a natureza.

Petróleo, carvão mineral e gás natural são os principais exemplos de fontes de energia não renováveis. Alguns recursos energéticos, como o petróleo, têm esgotamento estimado para algumas poucas décadas, o que eleva o caráter estratégico desses elementos.

Energia do Petróleo: fonte não renovável

As fontes não renováveis de energia são aquelas que se utilizam de recursos naturais esgotáveis, ou seja, que terão um fim, seja em um futuro próximo, seja em um período de médio ou longo prazo. Em alguns casos, esse tipo de energia costuma apresentar problemas de ordem ambiental, além de disputas envolvendo a extração e comercialização de suas matérias-primas.

Os principais exemplos de fontes de energia não renováveis são os combustíveis fósseis (petróleo, carvão mineral, gás natural) e os combustíveis nucleares.

O processo de extração do petróleo é feito mediante três etapas básicas:

  • Prospecção: representa a etapa de localização dos depósitos em bacias sedimentares a partir de análises e observações do subsolo na região;
  • Perfuração: Os depósitos, ao serem encontrados, são marcados e, posteriormente, perfurados a fim de se analisar a viabilidade econômica da extração;
  • Extração: Por meio de equipamentos especiais é feita a extração. Utiliza-se bombas em plataformas e navios, quando a extração é feita no assoalho oceânico. Em terra, utiliza-se os equipamentos necessários para bombear ou fazer jorrar o petróleo encontrado.

As fontes de energia renováveis derivam de recursos naturais que se renovam a todo momento e estão sempre disponíveis ao homem, a exemplo da energia solar, energia eólica, energia hídrica, energia de biomassa, energia geotérmica e energia oceânica.

Com os alarmantes impactos do aquecimento global causado pelas emissões de gases poluentes das fontes não renováveis, é essencial que os países do mundo invistam em energias renováveis, também chamadas de energias alternativas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios