Alternativa: você sabia que biomassa pode ajudar a zerar emissão de carbono?

A necessidade de zerar a emissão de carbono para a atmosfera até 2050 tem feito a biomassa ganhar mais visibilidade para a sustentabilidade do planeta. E com a captura de carbono esta fonte é o grande diferencial

A Biomassa vem ganhando espaço pela possibilidade de zerar emissão de carbono, mas você sabe o que é?  Trata-se de uma matéria formada por substâncias orgânicas (plantas, animais e microrganismos) por meio de processos como a combustão para produzir energia. Pode ocorrer a partir do material original, como a madeira, resíduos agrícolas, florestais, pecuários, dejetos de animais e até de lixo. 

Tem custo baixo e é renovável em curto espaço de tempo, bem diferente do petróleo e carvão mineral. A queima dela gera liberação de gás carbônico (CO2) na atmosfera e, através da fotossíntese, os vegetais absorvem o CO2 e o transformam em hidrato de carbono, liberando o oxigênio. Assim, a utilização correta da biomassa não muda a composição média da atmosfera, e o planeta, nesse aspecto, pode se tornar mais saudável.

Biomassa ajuda na descarbonização: 

No Brasil é vista como importante aliada no projeto de zerar a emissão de carbono até 2050, conforme meta da 21ª Conferência das Partes sobre Mudanças Climáticas (COP21) de 2015.  O apontamento é de um estudo divulgado em fevereiro pela Empresa de Pesquisa Energética, com parceria do Banco Interamericano de Desenvolvimento e do Centro Brasileiro de Relações Internacionais. 

Neste objetivo – uma verdadeira corrida contra o tempo -, que dispara o alerta para os perigosos riscos ambientais se não houver conscientização da população mundial, há necessidade de despertar a agilidade para o desenvolvimento por melhores tecnologias para combate às mudanças climáticas.

BECCS – O Sistema de Bioenergia com Captura e Armazenamento de Carbono é um dos destaques. Com a separação do CO2 produzido pela combustão de um combustível, ele é colocado debaixo da terra. Assim a emissão do CO2 fica coibida para a atmosfera com ajuda da biomassa que, para crescer, usa o carbono presente para fazer a fotossíntese. Pelo estudo, o BECCS pode conseguir emissões de CO2 negativas em torno de 500 milhões de toneladas

Em transporte, o diesel verde, gasolina verde, combustível sustentável de aviação e biocombustíveis marítimos, aparecem como destaque para substituir combustíveis fósseis. As biorrefinarias também devem começar a atrair mais interesse de investidores na área industrial e aumentar a produção de produtos petroquímicos. 

Porém, no Brasil o que está gritante é o fim do desmatamento ilegal, que pode coibir a emissão de 21 bilhões de toneladas CO2 para a atmosfera. Se isso não ocorrer, o custo para compensar pode ultrapassar a ordem de US$3 trilhões.

Energia renovável
zerar emissão de carbono

Cana-de-açúcar – Aqui no Brasil, o destaque do uso da biomassa é a cana-de-açúcar, que representa quase 80% da fonte utilizada. O setor de transporte é um dos que mais se beneficia, com a fermentação e destilação da cana-de-açúcar para produzir o etanol, que também compõe 25% da produção da gasolina. 

Apesar das vantagens, o uso da biomassa de maneira escalonada pede ainda cuidado para que não saia do controle e não seja utilizada sem planejamento para trazer impactos ambientais negativos. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios