ABSOLAR comemora dez anos com show e livro que conta a trajetória do setor fotovoltaico

A entidade realizou um evento no dia 23 de novembro, em São Paulo (SP), reunindo autoridades e agentes do setor solar

ABSOLAR comemora dez anos com show e livro que conta a trajetória do setor fotovoltaico

Para celebrar os dez anos da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), a entidade realizou um evento no dia 23 de novembro, na cidade de São Paulo (SP), reunindo autoridades e agentes do setor solar no Brasil. O evento contou com uma série de atrações, homenagens e o lançamento de um livro comemorativo que retrata a trajetória do mercado fotovoltaico e da própria associação.

Um dos destaques do evento foi o jantar e show do renomado cantor e compositor Jorge Ben Jor, ícone da música popular brasileira. O evento, que teve a fintech Meu Financiamento Solar como anfitriã, aconteceu no Tokio Marine Hall, na capital paulista, e foi destinado a empresários, empreendedores, consultores, autoridades e demais profissionais ligados ao setor fotovoltaico brasileiro.

As comemorações também incluíram o lançamento do livro online “O astro-rei da energia – com atuação de uma década da ABSOLAR, fonte solar se torna a segunda maior da matriz elétrica brasileira…e deve chegar ao topo antes de 2050”. A obra contou com o apoio patrocinado das empresas Lightsource bp, JA Solar e Amara NZero.

Durante o jantar e show, a ABSOLAR prestou homenagens às empresas e pessoas que foram fundamentais para o início da história da entidade. Ronaldo Koloszuk, presidente do Conselho de Administração da ABSOLAR, destacou a importância dessas pessoas e empresas para o crescimento e evolução do setor solar fotovoltaico brasileiro e da própria associação.

Rodrigo Sauaia, CEO da ABSOLAR, ressaltou que, apesar de ser considerada jovem em comparação com o setor elétrico nacional, a ABSOLAR tem desempenhado um papel determinante na evolução do mercado fotovoltaico no Brasil desde o início de sua adoção mais ampla pela sociedade.

ABSOLAR divulgou números sobre o setor 

Segundo a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), o Brasil atingiu a marca de 35 gigawatts (GW) de potência instalada da fonte solar fotovoltaica.

Essa marca inclui usinas de grande porte e sistemas de geração própria de energia em telhados, fachadas e pequenos terrenos, representando 15,9% da matriz elétrica do país.

A ABSOLAR também destaca que desde 2012, a fonte solar trouxe mais de R$ 170 bilhões em novos investimentos ao Brasil, arrecadou mais de R$ 47,9 bilhões aos cofres públicos e gerou mais de 1 milhão de empregos acumulados. Além disso, contribuiu para evitar a emissão de 42,8 milhões de toneladas de CO2 na geração de eletricidade.

De acordo com Rodrigo Sauaia, a energia solar é uma ferramenta fundamental para o desenvolvimento social, econômico e ambiental do Brasil, especialmente com a oportunidade de utilizar essa tecnologia em habitações populares do programa Minha Casa Minha Vida, bem como em escolas, hospitais, postos de saúde, delegacias, bibliotecas, museus, parques, entre outros.

Sauaia também destaca que, além de contribuir para a descarbonização da Amazônia com o uso de baterias, o crescimento da energia solar pode acelerar a atração de investimentos, a geração de empregos, a renda e a posição de liderança internacional do Brasil na transição energética.

No setor de geração distribuída de energia, a potência instalada da energia solar é de 24,4 GW, o que representa aproximadamente R$ 122,5 bilhões em investimentos, R$ 31,2 bilhões em arrecadação e mais de 730,8 mil empregos gerados desde 2012, distribuídos por todo o Brasil.

Atualmente, a tecnologia solar é utilizada em 99,9% de todas as conexões de geração distribuída no país, liderando com ampla vantagem nesse segmento.

São Paulo lidera mercado de geração solar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios